Livros

Ler, ler, ler, viver a vida que outros sonharam

Americanah

americanahAmericanah – Chimamanda Ngozi Adichie

Tradução: Julia Romeu
Capa: Claudia Espínola de Carvalho
Páginas: 520
Lançamento: 25/08/2014

ISBN: 9788535924732
Selo: Companhia das Letras

“Lagos, anos 1990. Enquanto Ifemelu e Obinze vivem o idílio do primeiro amor, a Nigéria enfrenta tempos sombrios sob um governo militar. Em busca de alternativas às universidades nacionais, paralisadas por sucessivas greves, a jovem Ifemelu muda-se para os Estados Unidos. Ao mesmo tempo que se destaca no meio acadêmico, ela depara pela primeira vez com a questão racial e com as agruras da vida de imigrante, mulher e negra.

Quinze anos mais tarde, Ifemelu é uma blogueira aclamada nos Estados Unidos, mas o tempo e o sucesso não atenuaram o apego à sua terra natal, tampouco anularam sua ligação com Obinze. Quando ela volta para a Nigéria, terá de encontrar seu lugar num país muito diferente do que deixou e na vida de seu companheiro de adolescência. “
A palavra americanah é o termo que os nigerianos usam para se referir aos compatriotas que vão para os EUA e voltam para a Nigéria.

Gostei muito desse livro, adorei o olhar dela sobre a questão do ser negro nos EUA, adorei as reflexões dela, e achei muito uma descrição de parte do que é o nosso tempo. A história, o enredo, tem um fim que deixa a desejar, mas o jeito como o livro é construído me prendeu do início ao fim, me prendeu muito. Mesmo assim eu tenho a sensação, por tudo que li sobre ela que esse não é melhor livro dela, por isso, talvez eu leia mais algum outro livro dessa autora.

Esse livro foi o livro de janeiro do Desafio Literário Skoob

Também li este livro pra ticar mais um item desta lista.

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • MySpace
  • PDF
  • Posterous
  • RSS
  • Technorati
  • Tumblr
  • Bitacoras.com
  • email
  • Google Buzz
  • LinkedIn
  • Orkut

Comentários desativados.