Livros

Ler, ler, ler, viver a vida que outros sonharam

O Vento nos Salgueiros

ventosalgueirosO Vento nos Salgueiros – Kenneth Grahame

Início: 21/11
Fim: 26/11/2014

(Livro lido para o Grupo Palas Atenas, tema: Fantasia)

Terminei de ler. Bem fofinho, é gostoso de ler, embora literatura pra crianças não seja o meu forte. Mesmo assim acho que vou ler pros meus filhos. Acabei baixando o filme e fui ler o capítulo do livro do Alberto Manguel “Os livros e os Dias” que fala de O Vento nos Salgueiros e é bem legal.

Este romance é um clássico da Literatura Inglesa do começo do século. O autor escreveu-o como cartas para entreter o filho, sem imaginar que, reunidas estas em volume e publicadas, se tornariam um grande sucesso literário. Os personagens são animais, que vivem no mesmo ambiente dos seres humanos.

‘…um livro infantil divertidíssimo, contrastando a vocação doméstica e intimista do Toupeira com o espírito aventureiro do Rato, a sabedoria ajuizada do Texugo e as destrambelhadas aventuras do Sapo, rebelde, sem juízo, entusiasmadamente triunfante em sua irreverência. Pela força psicológica dos personagens que cria e a quem dá vida – ainda que sejam simples animaizinhos do campo ou habitantes das margens de um rio – Kenneth Grahame dá origem a um universo que nenhum leitor esquece. Em suas ações, se desenrola uma história de crescimento, de formação de um personagem (Toupeira), e essa narrativa é que nos carrega. O leitor acompanha emocionado o relato de uma situação com que toda criança sonha – e muito adulto também. Ou seja, vamos seguindo o processo em que o herói sai da segurança do lar para se lançar no mundo, e passa de um estágio de inexperiência e medo para uma fase mais madura, em que tem condições de dar conselhos e é capaz de liderar os outros.’

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • MySpace
  • PDF
  • Posterous
  • RSS
  • Technorati
  • Tumblr
  • Bitacoras.com
  • email
  • Google Buzz
  • LinkedIn
  • Orkut

Comentários desativados.